Página Inicial


Marie-Louise von Franz, 1915-1998

Marie-Louise von Franz obteve seu doutorado em Filosofia Clássica na Universidade de Zurique. Desde 1934 ela trabalhou intensamente com C. G. Jung, principalmente no âmbito dos seus estudos sobre a alquimia, até a morte dele em 1961. Ela aprofundou o seu trabalho posterior, Mysterium Coniunctionis, com uma interpretação de Aurora Consurgens, texto alquímico-cristão atribuído a São Tomás de Aquino.  Durante muitos anos ela foi professora e analista-didática no Instituto C. G. Jung de Küsnacht em Zurique. Em 1974 ela criou, com alguns amigos, a Fundação de Psicologia de C. G. Jung em Küsnacht. Ela também foi nomeada Presidente de Honra do Centro de Pesquisa e Formação em Psicologia Profunda segundo C. G. Jung e Marie-Louise von Franz, fundado em 1995 em Zurique.

 

As suas publicações abordam, entre outros temas, a Interpretação psicológica dos contos e dos sonhos, a alquimia, os relatos da Idade Média referente ao Graal, as visões de São Nicolau de Flüe, o Puer Aeternus, suas pesquisas sobre a sincronicidade e sua magistral biografia “interior” sobre a importância de C. G. Jung para a nossa época, que até o momento foram traduzidas para 25 idiomas. A obra prima de sua vida é o Comentário Psicológico do Kitab “Hall ar-Rumûz” de Muhammad Ibn Umail